Documento sem título
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Notícias e Dicas de Saúde
     
Notícia - Conheça a SET e veja como o excesso de treino te prejudica Conheça a SET e veja como o excesso de treino te prejudica

Praticar exercícios físicos está diretamente relacionado com a melhora na saúde. No entanto, isso pode não acontecer: pois tudo em excesso pode fazer muito mal. Isto nos leva até a SET (Síndrome do Excesso de Treinamento), que pode apresentar sintomas diversos.

“Muitos atletas, principalmente paraolímpicos, desenvolvem a chamada SET, que ocorre quando o indivíduo desenvolve várias alterações fisiológicas e anatômicas, lesões no músculo cardíaco, batimentos cardíacos elevados ou irregulares, mesmo em repouso, um crescimento anormal do tamanho do coração, cansaço exagerado e insônia, devido ao excesso de treino”, explica Rogério Krakauer, cardiologista e presidente da Regional ABCDM da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP).

É importante que sejam tomadas medidas preventivas e a conscientização sobre práticas degenerativas, reduzindo-se assim a incidência do número de mortes por doenças cardiovasculares. Krakauer explica que, independentemente da nacionalidade, condições sociais e culturais, gênero, dentre outros fatores, as doenças cardiovasculares geralmente acometem pessoas que acumulam fatores de risco, como hipertensão arterial, diabetes, colesterol e triglicérides alto, tabagismo, apneia do sono, obesidade, sedentarismo, antecedentes familiares de doenças cardíacas e abuso na intensidade da realização de exercícios e treinamentos físicos.

O médico ressalta que, na tentativa de chegar ao ápice, superando metas, alguns atletas profissionais ou amadores tendem a exagerar na prática, o que pode ser prejudicial à saúde. A recomendação geral para afastar riscos de doenças cardiovasculares, como a própria SET, os atletas devem se preocupar com o controle de peso, alimentação, sono e praticar com bom senso as atividades físicas que lhe agradam.

“As atividades mais indicadas são aquelas que permitem um aumento progressivo da frequência cardíaca, até atingir 60% a 85% da frequência cardíaca máxima, determinada pela idade ou por exames, como o teste ergométrico em esteira ou bicicleta, por exemplo. A frequência média deve ser de 5 a 7 vezes por semana”, reitera.

Fonte: Sport Life


 
 
Leia também
16
setembro
5 frutas desidratadas e seus benefícios

16
setembro
8 dicas para fortalecer a imunidade

16
setembro
Conheça seis opções de adoçante natural

26
agosto
Atividades físicas com segurança em cada faixa etária

 
Documento sem título
 
 
 
Telefone:
(19) 3234-2387
(19) 2121-1230
 
 
WhatsApp:
(19) 98211-6347
 
 
Endereço:
Rua Barata Ribeiro, 504
Vila Itapura - Campinas - SP
 
 
Nossos Horários:
Seg à sex: 8h às 18h
Sábados: 8h às 12h
 
Razão Social: Margonari e Cia LTDA | CNPJ: 10.739.335/0001-80 | Farmacêutica Responsável: Isabella C.S. Augusto Margonari | CRF: 35892
AFE nº 0.642128.3 | Certidão de Regularidade: CFF: 53770 | Licença VISA Campinas nº 350950225-477-000285-1-7
Copyright © 2012 - Todos os direitos reservados
Produzido por FrameSet